Read Até Eu Te Encontrar by Graciela Mayrink Online

at-eu-te-encontrar

O quanto uma mudança de cidade pode afetar uma vida? Você acredita em alma gêmea? Como você se sentiria se não gostasse do grande amor da sua vida? É o que Flávia vai descobrir ao deixar Lavras, onde mora com os tios desde o acidente que matou seus pais, quando era criança. Aos dezoito anos, ela decide estudar Agronomia na Universidade Federal de Viçosa, trocando o sul deO quanto uma mudança de cidade pode afetar uma vida? Você acredita em alma gêmea? Como você se sentiria se não gostasse do grande amor da sua vida? É o que Flávia vai descobrir ao deixar Lavras, onde mora com os tios desde o acidente que matou seus pais, quando era criança. Aos dezoito anos, ela decide estudar Agronomia na Universidade Federal de Viçosa, trocando o sul de Minas pela Zona da Mata do mesmo Estado na esperança de uma "mudança de ares". Em sua nova vida, ela conhece Sônia, amiga de infância de sua mãe e agora sua vizinha, que lhe conta a história de sua família materna, até então desconhecida para Flávia. Embora o passado não seja sua maior preocupação, Flávia reluta em aceitar seu destino e ainda precisa superar uma paixão não correspondida pelo seu melhor amigo. Para se ver livre dessa rejeição, ela tenta atrair sua alma gêmea para Viçosa e descobre que o grande amor de sua vida é uma pessoa que ela não suporta....

Title : Até Eu Te Encontrar
Author :
Rating :
ISBN : 9788581633237
Format Type : Paperback
Number of Pages : 384 Pages
Status : Available For Download
Last checked : 21 Minutes ago!

Até Eu Te Encontrar Reviews

  • Natassha Katerine
    2018-11-25 10:07

    Um livro fofo com temática diferente com pessoas que realmente vivem a realidade brasileira.

  • Blablabla Aleatório
    2018-12-06 07:55

    “- O fato de ele ser sua alma gêmea não quer dizer que vocês precisem obrigatoriamente ficar juntos. Existe o livre-arbítrio, embora ele esteja no seu destino. Mas você pode escolher. Só que isso não significa que você não vá amá-lo pelo resto de sua vida, mesmo que tome outro caminho.”Flávia tem 18 anos é recém-chegada de Lavras em Minas Gerais e mudou-se para Viçosa para cursar Agronomia na Universidade Federal de Viçosa. Seus pais morreram quando ela ainda era criança e ela foi criada pelos tios, mas sentindo-se sufocada pela tia decidiu respirar novos ares e se aventurar em uma nova cidade. Ali, já no primeiro dia de aula faz amigos entre os calouros (Gustavo) como ela e entre os veteranos também (Felipe e Mauro). Ela também conhece Carla, a namorada de Luigi (um dos outros moradores da mesma república que o Felipe), tão odiada por seus amigos que não entendem como ambos estão juntos até hoje. Ainda que eles suspeitem a razão e nem imaginem o quão certo estão.Fora da universidade ela conhece Sônia, sua vizinha de andar e dona da única loja esotérica da cidade. É Sônia quem lhe apresenta o mundo da wicca e revela segredos do passado da família de Flávia. É assim que em meio a provas, festas e encontros com os amigos, que a garota acaba envolvendo-se com o mundo místico e determinada a encontrar sua alma-gêmea acaba fazendo um feitiço para atraí-lo até ela. O que Flávia não contava era que Luigi, o menino que ela passou a odiar de lambuja por causa da Carla, fosse ser seu predestinado e que a descoberta desse destino pudesse gerar tantas intrigas e planos perversos para mantê-los separados…Graciela utiliza fatos de sua vida para criar sua história (sua experiência enquanto aluna de agronomia na UFV, assim como a Flávia; sua passagem por Lavras, cidade natal da protagonista), e por saber sobre o que está falando, imprime na história ainda mais realismo e suas descrições dos locais saltam aos olhos. É possível imaginar a UFV em todos os seus detalhes, enveredar pelas ladeiras de Viçosa como um morador antigo, ou virar freguês de carteirinha do Lenha. Já seus personagens, são cativantes. É impossível não cair de amores pelos moradores da república da Máfia, por dona Sônia e Seu George e mesmo por outros personagens que têm participação menor nessa história.A escolha de utilizar o ambiente universitário como pano de fundo para esse romance mostrou-se uma ótima ideia. E a mistura de romance, misticismo e intrigas rendeu uma trama envolvente. Até Eu te Encontrar é daqueles livros de um dia, porque já aviso, é difícil largar a leitura antes de saber como essa história termina. Um romance descontraído e bem brasileiro (melhor seria dizer bem mineiro). Não torça o nariz só porque não acredita ou não simpatize com o lado místico da trama, não é porque você concorda com o pensamento do Sheldon sobre zodíaco e afins, que não pode curtir a história de Flávia e Luigi.Continue lendo no Blablabla Aleatório

  • Marcos Tavares
    2018-12-02 14:58

    Até eu te encontrar conta a história de Flávia, uma jovem caloura do curso de Agronomia da Universidade Federal de Viçosa, Minas Gerais, que, ao mudar de cidade, não imagina que sua vida sofreria uma reviravolta tão grande. Em busca de respostas às perguntas de seu passado, Flávia começa a conhecer pessoas novas que modificam o rumo dos acontecimentos. Mas, conseguirá Flávia responder todas as dúvidas da sua história? O quanto uma mudança de cidade pode mudar uma vida? Você acredita em alma gêmea? Como se sentiria se não gostasse do grande amor de sua vida?Ao chegar em Lavras, cidade da zona da mata mineira, Flávia conhece Sônia, sua vizinha de prédio e, o que ela acaba por descobrir posteriormente, grande amiga de sua mãe, falecida em sua infância. Buscando respostas sobre a morte de sua mãe e como ela era em vida, Flávia descobre um novo mundo no qual estava imersa o tempo todo e onde tem uma importante missão a cumprir. No seu primeiro dia na faculdade conhece Felipe, veterano que a salva do trote e se torna um grande amigo. Mas será que ele é só isso mesmo?Felipe tem uma história pregressa interessante: mora numa república com Mauro e Luigi e acaba por se envolver num acidente de carro que vem a tirar a vida de Ricardo, irmão de Luigi, e seu grande amigo. Ainda com as marcas desse passado, Felipe não consegue conviver com a morte do amigo e sobretudo com a relação do irmão deste, Luigi, o qual Flávia só vem a conhecer posteriormente na história. Gustavo e Lauren, amigos que Flávia conhece na faculdade e que são muito legais com ela, são importantes personagens na história e vão ajudar à principal em seus relacionamentos. Em paralelo a toda a história corre a relação dos personagens com a Wicca, uma religião que liga a magia às forças da natureza.No meio do livro uma grande guinada acontece, modificando todo o enredo e os sentimentos da personagem principal. Como será essa busca pela alma gêmea? Afinal ela realmente existe ou é só lenda? Como Flávia conseguirá identificar quem é o grande amor de sua vida? E como os outros personagens irão se relacionar com essa situação?O livro é muito bem escrito pela Graciela. Adorei a forma como os diálogos são inseridos no texto, o que torna a leitura mais dinâmica e profunda. O uso do universo acadêmico também me agradou muito, uma vez que eu adoro esse ambiente. Analisar este ambiente sob o ponto de vista dos alunos ficou interessantíssimo. A autora não se prende a descrições dos cenários nem dos personagens, coisa que eu senti um pouco de falta, mas nada que venha atrapalhar o enredo.Até eu te encontrar é o típico livro que mexe com seus sentimentos a cada página. Ora você deseja que aconteça alguma coisa com a protagonista, ora você deseja uma coisa completamente oposta. A Graciela prova que é uma boa escritora ao fazer a história mudar bruscamente e ainda assim manter o leitor atento, devorando avidamente o livro em busca do final.http://capaetitulo.blogspot.com/2011/...

  • Bárbara Lorentz
    2018-11-27 08:56

    Até eu te Encontrar é o livro de estreia da Graciela Mayrink. Eu já havia lido o livro anteriormente, mas depois do lançamento dele pela Editora Novo Conceito, não resisti. Precisei reler a maravilhosa história de Flávia e Luigi.Flávia se muda para Viçosa para estudar na UFV e, lá, começa a descobrir muitas coisas sobre seu passado e sobre sua família. Por ter perdido os pais bem nova, foi criada pelos tios, portanto, apesar de saber quem são seus pais, não sabe nem metade da história que envolve a sua mãe. E é em Viçosa, ao conhecer sua vizinha, Sônia, que começa a desvendar um pouquinho desses mistérios.Flávia faz vários amigos, mora sozinha, sai bastante com as pessoas que acaba conhecendo nessa nova cidade e vê sua vida virando de pernas pro ar.O que eu acho super interessante em Até eu te Encontrar é o fato de Graciela colocar vários personagens na história e saber trabalhar com todos eles, dando a devida importância para cada um e explicando tudo sobre eles, sem deixar pontas soltas ao final da leitura. O ambiente universitário brasileiro também é mostrado de forma fiel (já que Graciela foi aluna da Universidade Federal de Viçosa), o que é um grande diferencial na história.Ao começar a reler, também consegui tirar uma conclusão: sem saber o que era new adult, Graciela construiu um livro que se enquadra direitinho neste gênero. Flávia, ao entrar na Universidade, passa a descobrir quem ela é e passa a entender um pouco mais sobre sua vida, o que são características fortes em romances new adults.Eu sou simplesmente apaixonada pela história de Até eu te encontrar. Graciela fez com que cada personagem entrasse na hora correta da história. Felipe, Lauren, Gustavo, Sônia, Carla, Luigi e vários outros, aparecem exatamente no momento em que precisam aparecer e assim constroem esta história.Amo este livro e não há maneira melhor para terminar esta resenha a não ser dizendo que vocês também precisam ler e ficar assim, louquinhos por Até eu te Encontrar.

  • Pam Gonçalves
    2018-12-04 12:09

    Essa resenha foi publicada no blog Garota it também.A história é narrada pela protagonista Flávia, uma garota que perdeu os pais quando ainda era pequena e foi criada pelos tios em uma fazenda de Lavras. Em uma espécie de mudança de vida ela prestou vestibular para a cidade de Viçosa. Uma mudança de ares que parecia ingênua e sem grandes pretensões, tornou-se o sinônimo de descobertas sobre o passado de seus pais.Quando chegou à cidade fez vários amigos, personagens extremamente cativantes e legais: o veterano que a salvou do trote chamado Felipe, a vizinha Sônia que conheceu sua mãe no passado e ensinará muitas coisas sobre os mistérios da vida de Flávia, e a grande amiga Lauren animada e extrovertida. É claro que teremos que aguentar a vilã chata e que tentará atrasar a vida da protagonista.A capa traz a chamada instigante “Como você se sentiria se descobrisse que não gosta da sua alma gêmea?”. O slogan demora alguns capítulos para fazer sentido, mas quando finalmente descobri do que se tratava não consegui mais desgrudar de Até eu te encontrar. A autora tratou esse “não gostar da alma gêmea” naquela linha tênue entre ódio e amor e eu adoro quando isso acontece nas histórias. Como eu disse nos vídeos, não fazia ideia que teria uma pequena pitada de sobrenatural. Eu pensava que discutiria apenas conflitos normais da vida de uma jovem. Então isso me surpreendeu muito.A narrativa ainda está um pouco crua e não flui de uma forma tão interessante quanto a curiosidade que desperta na leitura. Há algumas repetições de palavras que incomodam. Mas nada que uma edição do livro não possa resolver.Por fim, adorei o livro e recomendo bastante!

  • Lorenna
    2018-11-16 15:54

    Gostei muito no livro. Comecei achando que teria muito de sobrenatural e muita "bruxaria", mas o assunto é colocado de maneira natural, se encaixa com a história e o os personagens. No início a escrita é meio "amadora", o que mais pro meio vai melhorando e o os diálogos são mornos, porém é aceitável dado o contexto do que está sendo narrado.Deu pra distrair bastante; uma leitura leve. Recomento.

  • Fernanda
    2018-12-06 12:06

    http://www.segredosemlivros.com/2013/...