Read Livro das Mil e Uma Noites, Volume 01 by Anonymous Mamede Mustafa Jarouche Online

livro-das-mil-e-uma-noites-volume-01

A premiada tradução direta do árabe para o português, feita pela primeira vez por Mamede Mustafa Jarouche — vencedora dos prêmios apca, Paulo Rónai e Jabuti de melhor tradução 2005/2006 —, traz ao leitor as 170 primeiras histórias que Sharazade contou para o rei e se espalharam para encantar todo o mundo. O trabalho foi buscar nos originais do livro, o ritmo, o sabor e o pA premiada tradução direta do árabe para o português, feita pela primeira vez por Mamede Mustafa Jarouche — vencedora dos prêmios apca, Paulo Rónai e Jabuti de melhor tradução 2005/2006 —, traz ao leitor as 170 primeiras histórias que Sharazade contou para o rei e se espalharam para encantar todo o mundo. O trabalho foi buscar nos originais do livro, o ritmo, o sabor e o poder da palavra de Sharazade, inumerável como a prosa do mundo e fonte de inspiração para escritores tão diversos quanto Proust, Machado de Assis, Voltaire, Edgard Allan Poe e Jorge Luis Borges....

Title : Livro das Mil e Uma Noites, Volume 01
Author :
Rating :
ISBN : 9788525039682
Format Type : Hardcover
Number of Pages : 424 Pages
Status : Available For Download
Last checked : 21 Minutes ago!

Livro das Mil e Uma Noites, Volume 01 Reviews

  • Paula Cruz
    2018-12-12 04:39

    Esta se tornou uma das minhas histórias favoritas de todos os tempos!! É um livro sobre violência, amor, magia, destino, humor, morte, tragédia, coincidência, e, claro, sobre contação de histórias. Neste volume constam 168 noites, e destas destaco minhas favoritas: a história do falcão, a do príncipe no subsolo, a batalha da princesa com o gênio (simplesmente SENSA) e o garoto que é transportado pelo gênio até a noiva.O começo já é de morrer do coração, pois a Sharazade é uma personagem ótima, e para mim uma das melhores da literatura mundial. A ideia de uma mulher que vai de encontro à morte porque acredita na força de histórias é muito poderosa, e me impressiona até agora. A estrutura também é muito interessante, e muitas vezes você se perde de qual história é contada por quem, de tão envolvido que fica.A tradução desta edição é primorosa, e poucas vezes vi tanto cuidado assim num trabalho. Para falar a verdade, grande parte da graça está na mão do tradutor Mamede Mustafa, que incluiu notas sobre o texto origial e costumes muçulmanos, além de manter o espírito da coisa. Quando eu era mais nova, lá pelas 13 anos, comecei a ler aas mil e uma noites numa edição que achei na biblioteca da bairro -- provavelmente da consagrada tradução portuguesa que veio da tradução francesa que veio do árabe. Me recordo de uma história totalmente diferente, muito masi romantizada, e sem os detalhes sórdidos que fazem este livro ótimo. Enfim: leiam este livro que é tiro e queda!

  • Laura Sofia Goran
    2018-11-30 02:52

    Ao iniciar o livro já se nota o apuro, a dedicação e o trabalho que teve o tradutor Mamede Mustafa Jarouche em traduzir os textos diretamente do árabe para o português, textos estes cuja publicação datam da Idade Média, especialmente um manuscrito do século XIV. As dificuldades são relatadas ao longo do livro, comparando-se o texto principal da tradução com edições posteriores publicadas em diversos países. Merecidos os prêmios conquistados, primorosa a edição.O Livro das Mil e Uma Noites é um clássico em que se sabe que Sahrazad, ao contar ao rei histórias cheias de magia, suspense, paixões, intrigas, salva-se da morte ao despertar no esposo a curiosidade pelo desenlace da noite seguinte.O Livro relata 170 noites e conta 4 histórias principais subdivididas em outras pequenas histórias para que se chegue a um final. Ao lê-lo deixamo-nos levar pela imaginação e pelas tramas, algumas com certo requinte de maldade, compiladas originalmente por diversos contadores árabes e colocadas na boca de Sahrazad para nos entreter.

  • Suellen Rubira
    2018-11-27 01:54

    Algumas crianças possuem o hábito de assistir, repetidas e repetidas vezes, clássicos da Disney ou novidades do mundo da animação. Quando eu era uma criança, eu tive o hábito de ler, quase mais de uma vez por semana!, o Livro das mil e uma noites. A versão reduzidíssima, obviamente. Agora, depois de grande, retomo a versão original, com todas as cenas fantásticas, cruéis e impressionantes. Um livro que inspirou tanto o grande Jorge Luís Borges só pode ser fundamental na livrografia de alguém. Além disso, parabéns para Biblioteca Azul e para a tradução de Mohamede Mustafa Jarouche.